80 degraus

80 degraus

Oitenta anos de vida

Não é feito pessoal;

É concessão temporal,

Graça de Deus recebida;

É dívida com o criador,

Redenção e esperança,

Um crédito de confiança

Num espírito protetor.

No labirinto da vida,

Escolhas de sim” ou “não”,

A procurar inspiração;

Numa saga a ser seguida

Um buscador que está só

Recolhendo experiência,

Passa toda essa existência

Na escada bíblica de Jacó

E onde quer que eu possa ir

Servindo ao espírito aprendiz,

Não saberei, pelo que fiz,

Por quantos degraus eu subi.

No passado que contemplo,

geraldo 1Às pessoas que encontrei,

Devo o melhor que ganhei:

Conselho, incentivo e exemplo.

Julgado pelas ações,

Boas e más, tal qual sou,

Sou ainda devedor

Por meus atos e omissões.

3 comentários sobre “80 degraus

  1. Oi tio Maravilhoso seu blog! Parabéns!
    Lindas poesias e fotos!!
    Que Deus lhe conceda muitos anos de vida com saúde e alegria!
    Bençao de Deus o seu dom de escrever e rimar!!
    Abrazo e beijos pra voçê e familia desde as ilhas Canarias – GRAN CANARIA!!

    Dorian

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s